POLÍTICA DE COOKIES

A Jaguar gostaria de utilizar cookies próprias e de terceiros para analisar os nossos serviços e apresentar-lhe conteúdos publicitários personalizados criados a partir de um perfil derivado das suas preferências de navegação. Se continua a sua navegação, consideramos que aceita a sua utilização. Poderá configurar ou bloquear a utilização de cookies ou obter mais informação na nossa Política de Cookies.

  1. A PRIMEIRA GAMA DINÂMICA JAGUAR ALL WHEEL DRIVE

    As estradas mais belas do País de Gales proporcionaram o ambiente perfeito para testar a gama de cinco veículos de tração integral – XJ, XF, F-TYPE, XE e F-PACE.

    • O País de Gales é o paraíso dos condutores. É raro encontrar outros veículos no Parque Nacional de Snowdonia, o cenário é deslumbrante e as estradas rivalizam com as melhores do mundo. As suas curvas e contracurvas desafiantes, combinadas com as condições climatéricas imprevisíveis, proporcionam o ambiente perfeito para testar o sistema de tração integral (AWD).

      Agora, todos os Jaguar disponibilizam tração integral (AWD) como opção – os modelos XE, XF, XJ, F-PACE e F-TYPE abrangem tudo, desde os eficientes modelos diesel 2.0 aos desportivos a gasolina de alta performance.

      Além de ser mais segura em condições traiçoeiras, a tração proporciona também confiança acrescida independentemente das condições climatéricas.

      A berlina XJ foi o primeiro veículo da gama gama atual Jaguar a incorporar tração integral (AWD) e revelou-se um companheiro de viagem tranquilizante na longa viagem de Londres ao norte de Gales. À velocidade de cruzeiro, o funcionamento do sistema de tração integral (AWD) passa simplesmente despercebido e é esse o objetivo. Os engenheiros da Jaguar procuraram disponibilizar a pureza dos desportivos da tração traseira (RWD) com a segurança acrescida da tração integral (AWD). É por isso que, em condução normal, o XJ é predominantemente de tração traseira (RWD). O sistema apenas direciona potência para eixo dianteiro em estradas sinuosas ou sob aceleração mais vigorosa em pisos de aderência reduzida. O que resulta em progresso mais sereno em vez de perdas de tração sob circunstâncias extremas, tornando um veículo de luxo de grandes dimensões como o XJ ainda mais requintado.

      O XE é a berlina de luxo compacta que apresentou a nova arquitetura avançada leve em alumínio e encontra-se agora disponível com tração integral (AWD), tanto nos modelos diesel como a gasolina (dependendo do mercado). Tal como no sistema do XJ, a tração integral (AWD) é totalmente variável, mas no XE a tração traseira (RWD) é 90% sob condições normais e utiliza o Intelligent Driveline Dynamics (IDD) para variar constantemente a distribuição de binário entre os dois eixos.

      O IDD foi originalmente desenvolvido para preservar as características desportivas da tração integral (AWD) do F-TYPE, e coordenar de forma impercetível as respostas do motor, caixa de velocidades, controlo de tração e estabilidade. A partir de uma posição estacionária, alternar de tração traseira (RWD) para a tração integral (AWD) em apenas 165 milissegundos ou em menos de 100 milissegundos em movimento. Reage não apenas a perdas de tração, como também as antecipa graças aos sensores que medem as solicitações do acelerador e travão.

    • Quando a derrapagem é inevitável, o sistema transfere preventivamente mais de 90% do binário do motor das rodas traseiras para as rodas dianteiras para proporcionar a tração ideal.

      "O AWD ADERE AO PISO TANTO NO ARRANQUE COMO A CORTAR O VENTO NUMA ESTRADA DESERTA."

      É uma combinação poderosa de comportamento superior e da reconhecida agilidade do XE, sem diluir o prazer de condução e disponibilizando a sua potência sem esforço.

      O XF foi criado a partir da fórmula do XE, com o mesmo sistema de tração integral (AWD), uma experiência de condução igualmente requintada e entusiasmante, e espaço e luxo adicionais. O eficiente motor de 2,0 litros diesel é um motor de 180 CV com excelente capacidade de resposta mesmo a regimes muito baixos.

      Mais uma vez, as intervenções da tração integral (AWD) são praticamente impercetíveis, sente apenas que, em curva, pode premir o acelerador mais e mais cedo. Em complemento à segurança adicional em condições traiçoeiras, a tração integral proporciona maior confiança independentemente das condições climatéricas. Tal como acontece no XE, a tração integral (AWD) do XF permanece a 90% na tração traseira (RWD) em condições normais. No entanto, há uma exceção no sistema IDD da Jaguar a que os seus rivais não conseguem corresponder: deteta quando está prestes a perder a tração e, preventivamente, prepara-se para direcionar tração adicional para o eixo dianteiro, o que ajuda em estradas rápidas com contracurvas. Reduz também a aceleração de 0 a 100 km/h na maioria dos modelos e torna a entrada num entroncamento movimentado mais segura, já que os quatro pneus partilham a carga.

      O mais recente na gama da Jaguar, o F-PACE, representa um novo território para a empresa. No entanto, é construído com base nos mesmos princípios de construção em alumínio e sistema de tração integral (AWD) que os modelos XE e XF. A essência da Jaguar brilha tanto no design impressionante como na condução.

      Apesar da posição de condução elevada, o condutor senta-se numa posição relativamente baixa no habitáculo, com um volante pequeno e de fácil manuseamento. Os pneus dianteiros contornam as curvas com a precisão de um desportivo, a direção proporciona elevada capacidade de resposta e sensibilidade perfeita, e a suspensão equilibra comportamento requintado com conforto suave. O espaço traseiro é fantástico e a bagageira líder no segmento é enorme, flexível e extremamente acessível a partir tampa da bagageira de grandes dimensões.

    • O sistema de tração integral (AWD) encontra-se disponível nos motores de quatro e seis cilindros do F-PACE e constitui equipamento de série. Mais uma vez, a sensação de tração traseira (RWD) permanece, mas ao acelerar numa curva longa a potência é direcionada de forma impercetível para o eixo dianteiro, auxiliando o F-PACE a conquistar facilmente as curvas. É uma forma rápida, segura e incrivelmente satisfatória de viajar por estas estradas desafiantes do País de Gales.

      O sistema de tração integral do XE é totalmente variável mas, em condições normais, direciona 90% do binário para o eixo traseiro.

      O F-PACE disponibiliza também capacidades todo-o-terreno, mas é importante realçar que a tração integral (AWD) não é a tração às quatro rodas (4WD). Normalmente, a tração às quatro rodas (4WD) destina-se a veículos para conduções em condições extremas fora de estrada, dividindo a potência de maneira uniforme entre as quatro rodas e proporcionando relações de gama baixa selecionáveis pelo condutor.

      A tração integral (AWD) é requintada e sofisticada, alternando ativamente a distribuição de potência do eixo dianteiro para o traseiro em milissegundos, e a sua adaptabilidade é mais adequada às velocidades mais elevadas dos veículos para condução em estrada. A maior distância ao solo do F-PACE, tração integral (AWD) e Adaptive Surface Response, que adapta automaticamente o motor e transmissão às condições, conjugam-se para proporcionar capacidades mais do que suficientes na maioria das situações.

      Em condução todo-o-terreno, os pneus adaptam-se a superfícies macias encontrando rapidamente tração. Há trilhos profundos e pequenas rochas caídas da colina acima, mas o F-PACE mantém o seu ritmo, ultrapassando os obstáculos no terreno de uma forma inabalável e desconcertante para a maioria dos veículos. Estacionado no cume, sente-se como um explorador intrépido, observando a estrada fantástica que se prolonga pela distância como um atacador caído na paisagem. Uma estrada que parece ter sido criada para o veículo mais desportivo da Jaguar: o F-TYPE.

      O F-TYPE R Coupé V8 é um Supercharged de dois lugares e 550 CV. Mesmo na versão de tração traseira (RWD), é verdadeiramente rápido, mas a versão AWD permite ao R Coupé acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 3,9 segundos. Apesar da performance excecional deste veículo, consegue encontrar rapidamente o seu ritmo. A posição de condução é baixa e elegante, e cada resposta, do motor e caixa de velocidades, direção, dos travões cerâmicos em carbono, é imediata. E a sonoridade das ponteiras de escape duplas do R é fantástica, com ronronar suave a regimes baixos e crepitar explosivo sob aceleração.

      Tudo isto cria uma sensação de ligação entre o veículo e o condutor, intensificada pela tração integral (AWD), que maximiza a aderência tanto no arranque como a cortar o vento numa estrada deserta. A tração integral (AWD) do F-TYPE R parece ser a melhor forma de experimentar estas estradas épicas. A Jaguar melhorou o sistema para criar o extraordinário novo F-TYPE SVR AWD, a versão mais veloz e potente de sempre.

    • O F-TYPE SVR é o Jaguar de produção em série mais veloz e potente de sempre, o expoente máximo da tecnologia de tração integral AWD da Jaguar. Ao sentar-se nos bancos desportivos exclusivos, não é possível deixar de reparar nas diferenças do interior SVR em couro Jet Black com padrão exclusivo acolchoado em losango e costura contrastante, e a tactilidade do Suedecloth que envolve o painel de instrumentos e a consola central. Prima o botão Start e o V8 de 575 CV entra em erupção através de um escape em titânio e Inconel; é 16 kg mais leve que um sistema convencional e proporciona a sonoridade de um trovão numa garrafa. Ainda antes de arrancar, o SVR eleva o seu ritmo cardíaco.

      O Jaguar desportivo de produção em série mais veloz de sempre da Jaguar, o F-TYPE SVR, lidera este teste em grupo de tração integral com o XE, XF, F-PACE e XJ a acompanhá-lo de perto.

      Tudo isto se deve ao trabalho da Special Vehicle Operations, a divisão da Jaguar Land Rover encarregada de elevar cada vez mais a fasquia. Utilizando o F-TYPE R como ponto de partida, a SVO tornou o F-TYPE SVR mais veloz, mais leve, com condução mais envolvente e maior impacto visual. O resultado é um superdesportivo para todas as condições meteorológicas que chama a atenção quando parado, acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,5 segundos e atinge os 320 km/h no modelo Coupé (315 km/h no Convertible).

      Os toques de design distintos incluem um novo para-choques dianteiro com entradas de ar maiores, um spoiler traseiro redesenhado em fibra de carbono e jantes em liga leve forjadas de 20 polegadas com designs exclusivos. Nada é supérfluo: as entradas de ar maiores maximizam a refrigeração; o spoiler ativo é conjugado com uma secção inferior plana como nos veículos de competição e ventilação traseira para melhorar o desempenho aerodinâmico. As novas jantes em liga leve são 13,8 kg mais leves e incorporam pneus exclusivos 10 mm mais largos que os do F-TYPE R, aumentando a aderência e capacidade de resposta.

      Sob o capot, o motor V8 Supercharged ganha 25 CV, a suspensão continuamente variável é mais firme para aumento do controlo e a caixa de oito velocidades é ainda mais incisiva. Crucialmente, o software Intelligent Driveline Dynamics (IDD) do sistema de tração integral (AWD) foi redesenhado para proporcionar uma experiência ainda mais dinâmica.

      Coloque o seletor Quickshift em Drive, aventure-se pela estrada e observe como a suspensão do SVR combina agora o comportamento suave do F-TYPE com controlo superior; a sensação proporcionada através do volante do SVR é claramente mais firme, para uma ligação melhor à estrada.

    • Aumente o ritmo, faça algumas curva com o SVR e sinta a definição adicional proporcionada pelos pneus mais largos; o desportivo parece estar colado à trajetória e a sua confiança aumenta rapidamente. Acelere e o SVR torna-se mais baixo, os pneus transmitem uma performance fantástica à estrada, o impulso nas suas costas faz lembrar a tração traseira e o rápido aumento da velocidade revela a magia da tração integral (AWD). À saída das curvas, pode sentir a urgência adicional do V8; um toque nas patilhas exclusivas em alumínio seleciona instantaneamente uma relação superior, que deverá provocar um sorriso de orelha a orelha no condutor, com a sonoridade crepitante e poderosa do V8.

      O F-TYPE SVR com tração integral All Wheel Drive enfrenta as estradas sinuosas do País de Gales com confiança em todas as condições.

      O F-TYPE SVR integra identificadores exteriores importantes, como o spoiler traseiro redesenhado em fibra de carbono, as jantes especiais forjadas em liga leve de 20 polegadas e o importante logótipo SVR. O SVR é o F-TYPE mais focado de sempre, mas sem comprometer a funcionalidade. As válvulas do escape reduzem o volume a velocidade de cruzeiro, os bancos com 14 ajustes elétricos mimam e aconchegam, e o sistema de informação e entretenimento InControl com ecrã táctil é compatível com tecnologias portáteis como o Apple Watch. E, independentemente das condições e de como conduz, a tração integral (AWD) está sempre pronta a protegê-lo.

      A sessão fotográfica do AWD e do SVR foi realizada num ambiente cuidadosamente controlado com condutores experientes. Não tente imitar. Respeite sempre os limites de velocidade aplicáveis.

      *A disponibilidade da tração integral (AWD), de série ou como opção, depende do mercado. Contacte o seu Concessionário Jaguar para mais informação.

© JAGUAR LAND ROVER LIMITED 2019

Jaguar Land Rover Portugal Veículos e Peças Lda., Edifício Escritórios do Tejo, Rua do Polo Sul, n.º 2 – 3.º B-3, Parque das Nações, 1990-273 Lisboa

Os valores disponibilizados resultam de testes realizados pelo fabricante em conformidade com a legislação da UE.
O consumo de combustível específico de um veículo pode divergir dos valores obtidos nos testes. Os valores servem apenas como termo de comparação.

A informação, a especificação, os motores e as cores neste site baseiam-se na especificação europeia e podem variar consoante o mercado, estando sujeitos a alterações sem aviso prévio. Alguns veículos são apresentados com equipamento opcional e acessórios de instalação no concessionário que podem não estar disponíveis em todos os mercados. Contacte o seu concessionário para obter informação sobre a disponibilidade e os preços locais.